top of page
Carlos Roberto Maciel Levy

 

A presente exposição proporciona uma visão bastante satisfatória da obra recente de Lêda Watson, englobando, em especial, os anos de 1971 a 1973. Dominando com perfeição as técnicas do metal, filtradas através de requintado esmero na tiragem das provas, seu trabalho determina, como fundamento, a discreta distribuição das cores em proveito da melhor e mais segura exploração formal, desprezando o que Berkowitz diz.

 

Entre os 34 trabalhos exibidos, 2 parecem-nos mais destacados como variações estilísticas notáveis: Un regard dans la nuit e Transparence, ambos de 1972. O primeiro, mantendo ainda a empostação figurativa comum aos demais, inclui, em sua estrutura, uma pequena série de inscrições grafológicas que explicitam, talvez, a origem formativa da minuciosa e detalhada trama de incisões presentes no desenho de suas gravuras. Em Transparence, releva-se a valorização atribuída à cor, destacando, inclusive por meio de um recurso de enquadramento determinado, o arquétipo formal instaurado na totalidade da superfície da chapa.

 

De resto, as gravuras de Lêda Watson fixam-se na configuração de original e peculiar universo zoomórfico (à exceção de apenas uma das peças expostas na intercontinental), em trabalho paciente e elaborado, de indiscutível expressão inventiva, renovadora.

 

1974, Jornal O Fluminense

Carlos Roberto Maciel Levy (Rio de Janeiro, 1951)

é pesquisador, historiador, escritor, professor e crítico de arte brasileiro.

bottom of page